Problemas comuns

A pseudoartrose acontece quando não existe a consolidação de uma fratura: no grego antigo, pseudoartrose significa “falsa articulação”. Isso faz com que uma cicatriz de tecido fibroso seja formada no meio do osso, capaz de resultar em deformidade e incapacidade para o paciente.

Existem dois tipos de pseudoartrose: atrófica e hipertrófica:

- Pseudoartrose atrófica: ocorre quando o osso não recebe a quantidade necessária de nutrientes para se recuperar.

- Pseudoartrose hipertrófica: ocorre quando o osso consegue formar o calo ósseo, mas continua fraturado.

O diagnóstico é feito por meio de exame clínico associado a exames de imagem (como radiografia e tomografia computadorizada). Nos casos de pseudoartrose o paciente tem dor na região, perda de força, edema, e dificuldade para dobrar e estender o local lesionado.

O tratamento é cirúrgico e pode ser feito de diferentes maneiras, como por:

- Remoção do tecido cicatricial;

- Imobilização da fratura;

- Enxerto ósseo;

A estimulação feita com ondas eletromagnéticas, ou com ultrassom também é recomendada para a consolidação da fratura, caso não haja uma boa solidificação três meses após a lesão.

Caso tenha dúvidas sobre pseudoartrose, não deixe de nos contatar para uma avaliação detalhada e um diagnóstico preciso!

☎ (11) 3667-6132

Menu - Problemas comuns

Consultório - Cotia, SP

Avenida Santo Antônio, 53
Tel: 4616-0406


Consultório - São Paulo, SP

Rua Conselheiro Brotero, 1505
Conjunto 31, 8º Andar
Tel: 3375-6581
Nextel: 94765-3990