Problemas comuns

O que é

A entorse de punho, também conhecido como torção no pulso costuma ocorrer quando há um movimento mais intenso que o normal na região, causando estiramento e lesão dos ligamentos que conectam os ossos do punho, conhecidos como ossos carpais, ou do carpo.

Uma torção no pulso pode ter vários níveis de gravidade e é bastante presente em atletas, já o impacto recebido na região dos punhos em certos esportes é considerado alto, porém, é possível prevenir uma possível entorse de punho.

Causas

As causas de punho torcido envolvem quedas, principalmente durante a prática de esportes. Além disso, as atividades repetitivas e com sobrepeso também podem causar uma possível lesão no local.

Grupos de Risco

O grupo com mais tendência a sofrer uma torção no pulso é representado pelos praticantes de atividades esportivas, dentre elas, as que geram o maior número de lesões são:

- Futebol

Os jogadores de futebol sofrem impactos frequentes durante o jogo e, caso caiam de mau jeito no chão durante um jogo ou um treino, podem acabar lesionando o punho. Ao sentirem dor após uma queda, os atletas devem imediatamente aplicar gelo sobre o local;

- Vôlei

Jogadores de vôlei precisam ser bem orientados ao treinar e praticar o esporte. Isso porque o punho é uma das áreas que mais recebe impacto durante o jogo. Os atletas amadores, principalmente, devem aprender quais são as técnicas ideais para evitar que o impacto no local gere possíveis lesões;

- Basquete;

Assim como no futebol e no vôlei, o basquete é um esporte que envolve muito impacto e quedas. Por isso o jogador deve ser orientado sobre como se posicionar ao cair: isso evitará possíveis entorses de punho;

- Artes marciais e lutas;

As artes marciais e as lutas exigem muito da articulação do atleta, já que os golpes são repetitivos e de grande amplitude. Além disso, a força do impacto dos golpes é intensa o suficiente para causar uma entorse de punho. Atletas dessa categoria devem estar atentos ao posicionamento do corpo no momento dos golpes;

- Bicicleta, Skate, Patins;

Quem anda, principalmente de skate e patins, precisa estar bem protegido, pois, diferente de outros esportes, o impacto vem da queda quando se perde o equilíbrio e pode ser mais intenso do que o dos outros esportes.

Sintomas

Os sintomas do punho torcido envolvem dores ao movimentar a mão, dor no próprio punho, além de inchaço no local. É possível que o paciente também tenha hematomas no local lesionado.

Diagnósticos

O diagnóstico será dado por um médico especialista, que irá pedir exames de raio X e ressonância magnética e, a partir deles, analisar o grau de lesão do paciente. É possível que em complemento a estes dois exames, o médico também solicite exames de cintilografia óssea e de condução nervosa. Já o exame de sangue será capaz de detectar casos de gota ou artrite reumatoide, que possuem sintomas semelhantes aos de um quadro de entorse de punho.

Uma entorse pode ser classificada em três níveis de dor:

- Ligeira

Ocorre quando o ligamento é lesionado de maneira leve. Nesse caso o paciente costuma não sentir dor, e a área em geral não fica inflamada;

- Moderada

As fibras do ligamento do punho se rompem, porém não por completo. O paciente sente dor e limitação de movimentos no local;

- Grave

Os ligamentos do punho que foram afetados se rompem por completo. O paciente irá sentir alto nível de dor, e não conseguirá movimentar o punho. Além disso, apresentará inchaço e hematomas no local.

Tratamento

O tratamento para punho torcido varia de acordo com o grau de gravidade da lesão. A primeira medida após o entorse é aplicar gelo no local: isso irá reduzir a dor e o inchaço. Recomenda-se, em média, quatro aplicações diária.

Outra medida a ser tomada é fazer repouso do punho torcido, e deixá-lo elevado para que o inchaço vá diminuindo – caso a dor seja mais intensa, o paciente também pode imobilizar o local para evitar movimentos que causem dor.

É importante evitar pegar peso, ou fazer pressão no local. Para a redução da dor, o médico especialista poderá receita pomadas analgésicas a base de diclofenaco.

Em casos graves, é possível que haja intervenção cirúrgica. A recuperação será feita com fisioterapia: os exercícios irão restabelecer a força e a movimentação do punho e do braço.

Mais Informações

É possível prevenir uma torção no pulso com algumas medidas simples: lembre-se de alongar os punhos todos os dias; evitar muito esforço restringido apenas aos punhos; e ter cuidado ao realizar atividades físicas que possam envolver quedas ou impactos intensos.

É possível que no período de recuperação de entorse de punho, haja uso de medicação para aliviar a dor. Caso a dor seja muito forte, lembre-se sempre de consultar um médico especialista e evitar qualquer tipo de automedicação.

Menu - Problemas comuns

Consultório - Cotia, SP

Avenida Santo Antônio, 53
Tel: 4616-0406


Consultório - São Paulo, SP

Rua Conselheiro Brotero, 1505
Conjunto 31, 8º Andar
Tel: 3667-6132
Nextel: 94765-3990